Publicado por Redação em Coluna DNTC, Página da Criança - 12/12/2016 às 08:08:23

Reflexão e a solidariedade no contexto da vida cristã

2016_02_aventureiros_lucaObjetivo:
Possibilitar a reflexão e a solidariedade no contexto da vida cristã.

Texto bíblico:
Lucas 3.11

Desenvolvimento:
Leia o texto bíblico, comente que Jesus estava explicando muitas coisas a uma multidão que queria saber como deveriam fazer para agradar a Deus. Jesus respondeu de uma forma bem simples: “repartam o que vocês têm com quem precisa”. Ou seja, em primeiro lugar, aquelas pessoas precisavam ser capazes de ter olhos abertos para enxergar as outras pessoas. Isso é muito importante, pois existem pessoas que nem cumprimentam as outras quando chegam a um lugar. Como esperar delas que estejam dispostas a perceber as suas necessidades?
A segunda coisa é que aquelas pessoas precisavam considerar as outras como iguais a si mesmas, para quererem repartir com elas. Existem pessoas que se acham melhores que as outras e agem como se estivessem olhando-as de alto para baixo. Não dá para pensar que essa gente vai querer repartir o que tem com quem acredita ser inferior.

.
A terceira coisa é que aquelas pessoas precisavam aprender a confiar em Deus, entendendo que Ele cuida delas a cada dia e que nada iria lhes faltar. Dessa forma, elas não seriam apegadas a coisas materiais e seriam capazes de repartir com quem necessitasse aquilo que elas tinham em excesso.

.
Converse com as crianças sobre essas verdades do texto e de outras que o Espírito Santo lhes inspirar para falar. Combine gestos concretos de solidariedade para começarem a colocar em prática neste Natal, mas combinem também outros gestos de solidariedade que possam realizar de forma sistemática, ao longo do próximo ano.

.
Ao final da atividade, ore com as crianças, pedindo que Deus lhes abra os olhos para ver a necessidade das pessoas, incline seus ouvidos para perceber os seus clamores e mova os seus corações em direção a essas pessoas, fazendo com que o amor de Deus brote através de vocês.

Rogéria de Souza Valente Frigo
Coordenadora do Departamento Nacional de Trabalho com Crianças

Posts relacionados

Página da Criança, por José Geraldo Magalhães Jr.

Crianças: Sãs são as águas de março...

O Dia Mundial da Água é uma oportunidade para lembrar que a água do planeta não acaba, mas a água potável, sim. Gostaria de compartilhar com vocês algumas curiosidades sobre a água.