Publicado por José Geraldo em Eventos | 03/03/2020 às 10:12:29

Mulheres comprometidas com Deus vivem em unidade

Ser mulher e ser metodista é um privilégio. A palavra de Deus nos diz em Jeremias 1.5: desde o ventre da mãe somos escolhidas e ainda mais quando aceitamos o convite do Senhor para ser nosso Salvador, e escolhemos a igreja Metodista – uma comunidade missionária a serviço do povo – para congregar, servir e para prestar nossa adoração. A mulher metodista traz dentro de si o compromisso da missão. 

Ela está envolvida em todas as áreas da sua comunidade, na educação cristã e secular, nas ações sociais, nas celebrações cúlticas, no louvor, elas se desdobram para atender às necessidades, e às vezes por dificuldades da comunidade elas acumulam funções para atender às demandas. A mulher metodista é sensível às necessidades umas das outras, se capacita para servir melhor. Na comunidade local tem a Sociedade de Mulheres para acolher, se fortalecer e ser seu suporte.

Eu particularmente sou participante da Sociedade Metodista de Mulheres (SMM) desde a minha juventude. Nesse espaço feminino pude crescer espiritualmente como pessoa e realizar o meu chamado de servir com alegria, primeiro na igreja local, depois na área Regional e, hoje, Nacional. Pensando na mulher metodista, a Confederação Metodista de Mulheres dedica a primeira semana do mês de março à Semana da Mulher Metodista, em que somos desafiadas a orarmos e refletirmos por questões relevantes dos desafios das mulheres na igreja e sociedade.

Somos a maioria da membresia da Igreja Metodista, realizamos a missão, trazemos a nossa força, porém, ainda assim, enfrentamos muitos obstáculos na caminhada, mas não desistimos, resistimos por amor a Cristo, que nos amou primeiro. Realizamos em fevereiro passado uma Capacitação Nacional da liderança das Federações na qual reafirmamos que somos “Mulheres comprometidas com Deus e vivemos em Unidade”. Um grupo de 183 mulheres líderes que se dispõem a continuar realizando o chamado de servir na nossa igreja pelo país todo. 

A unidade nos fortalece e a diversidade nos enriquece, pois temos a possibilidade de realizar a missão onde o Senhor nos colocou. Assim, reafirmo que ser mulher e ser metodista é um grande privilégio. Deixo um convite a você: Faça uma reflexão com sua comunidade sobre os desafios que as mulheres ainda têm que enfrentar no seu cotidiano e na igreja local. Sua igreja respeita e acolhe a mulher? 

Não percamos de vista nunca o nosso chamado: viver para servir. Afinal, somos mulheres metodistas comprometidas com a missão e sempre dispostas a viver em unidade.
Um abraço com o aroma suave do bom perfume de Cristo. 

Ivana Aguiar Garcia 
Presidente da Confederação Metodista de Mulheres


Publicado originalmente na edição de MARÇO de 2020 do jornal Expositor Cristão 

*Reprodução parcial ou integral deste conteúdo autorizado desde que seja citado a fonte conforme abaixo:

[Nome do repórter ou autor], Expositor Cristão (Edição março de 2020)


Tags: sem tags no momento!