Publicado por José Geraldo Magalhães em Última Edição - 06/07/2022 às 22:53:36

Concílio Geral aprova proposta para eleger bispos e bispas por região

Plenário do 21º Concílio Geral reunido em Sorocaba aprova mudança na eleição episcopal. Foto: Rodrigo de Britos

Pr. José Geraldo Magalhães

Na noite do dia 6, os conciliares reunidos em Sorocaba, discutiram a proposta sobre a eleição episcopal. O teor da proposta vital contemplava ajustes no sistema de governo episcopal. O processo eleitoral deveria ter uma agenda nacional, ou seja, todas as regiões realizariam suas eleições em seus concílios regionais no mesmo ano. No entanto, o pastor Ewander Macêdo propôs uma substitutiva como segue abaixo:

"A eleição episcopal siga os mesmos trâmites atuais até o concílio regional e, nesse, os bispos/as acrescentem seus nomes nas listas advinda dos distritos e, o Concílio Regional, elege a lista tríplice e a encaminha ao Concílio Geral que, por sua vez, realizará a eleição episcopal por região a partir das listas tríplices oferecidas por cada região".  

A proposta substitutiva, após vários debates (leia abaixo), foi colocada em votação pelo bispo João Carlos Lopes que presidia a sessão e foi aprovada com 172 votos favoráveis, 81 votos contrários e 1 abstenção. 

Debates - O bispo honorário, Josué Adan Lazier, que é da 6ª Região e desenvolveu o ministério pastoral na 4ª Região Eclesiástica defendeu que bispos e bispas possam desenvolver o epsicopado em outras regiões. "Nós temos que ter cuidado com o que falamos. Temos bispos e bispas que foram eleitos e eleitas pelo Concílio Geral e estão em outras regiões. O que torna uma presbítera ou presbítero a exercer o ministério episcopal é o carisma. Temos que entender uma região que é totalmente desconhecida, mas é possível desenvolver o ministério episcopal", disse o bispo..

Luiz Alceu Zapparoli (3ªRE) foi contra a proposta. "Se a Igreja quer ter uma percepção de futuro deveria estar olhando para as Confederações. Aqui era para ser discutido sobre nossa visão missionária. Tenho dificuldade de olhar para a substittiva que vamos caminhar de uma forma conexional e clara. Aí derrubamos alguns equívocos que podemos cometer. Já tivemos bispos regionais e foi extremamente positivo. Alter o processo, estamos tirando o sonho da comunidade e do Concílio Regional", destacou.

Depois de outros depoimentos e esclarecimentos, a pastora Laura Valentim reforçou a ideia de que há uma unidade no plenário. "A proposta é que se mantém o que temos. Lista tríplice nas igrejas locais, distrito, regional que enviará a lista tríplice ao Concílio Geral. Dentro dessa lista, o Concílio Geral irá eleger por região. Quero lembrar que hoje tomamos decisões e ouvimos a Rema. Que possamos vivenciar um novo tempo. Que tenhamos mudanças sustanciais para que possamos avançar na missão", disse a pastora Laura.

Outros delegados e delegadas também se pronucniarama favor e contra a proposta substitutiva que foi aprovada.


Veja também:

Todos os boletins diários do 21º Concílio Geral da Igreja Metodista


Posts relacionados

Última Edição, Atualidade, Capa, Boletins 21CG, por José Geraldo Magalhães

EC de julho: 21ºConcílio Geral (Vol. 136 N. 7 2022)

A Palavra Episcopal desta edição, o depoimento do presidente do Colégio Episcopal e a fala de vários delegados e delegadas mostraram que o agir e mover de Deus surpreendeu a todos/as quebrando barreiras para que o perdão fosse liberado acompanhado de ações concretas.

Última Edição, por Redação

Candidatos e candidatas ao episcopado #21CG

As oito regiões eclesiásticas e as duas missionárias elegeram em seus respectivos Concílios Regionais a lista de candidatos/as ao episcopado. Ao todo são 33 nomes, sendo 28 que podem ser eleitos pela primeira vez e 5 que podem se reeleger. A Remne, até o momento, tinha apenas um candidato. Saiba mais sobre o 21º Concílio Geral da Igreja Metodista na edição de junho. Visite a página oficial do 21º Concílio Geral. 

Notícias, Última Edição, Boletins 21CG, por Redação

Como acompanhar o 21º Concílio Geral da Igreja Metodista

Acompanhe a cobertura oficial do 21° Concílio Geral da Igreja Metodista, que acontece de 3 a 10 de julho, na cidade de Sorocaba, interior de São Paulo.

Última Edição, por José Geraldo Magalhães

CGCJ emite parecer sobre Recurso 62/2021

Após a votação da proposta, por volta das 20h14, o Pastor Edinei Reolon da 8ª Região Eclesiástica, pediu uma palavra por questao de Ordem solicitando uma revisão da decisão da presidência que necessitaria de 2/3 para aprovação da matéria, já que o bispo que presidia a sessão no momento, José Carlos Peres, não deu como aprovada por não atingir o número necessário de votos. O Bispo solicitou assessoria a CGCJ.