Publicado por Redação em Notícias - 02/02/2018 às 15:10:59

Colégio Episcopal terá nova secretária executiva

2018-02-giselma-797-800x568.jpg

O Colégio Episcopal da Igreja Metodista decidiu nomear a Revda. Giselma de Souza Almeida Matos, presbítera na 1ª Região Eclesiástica, como secretária executiva do Colégio Episcopal. Ela irá assumir o cargo a partir do dia 1º de fevereiro de 2018. O Bispo Stanley da Silva Moraes, que se aposentou no 43º Concílio Geral da 2ª Região Eclesiástica, em novembro de 2017, fará a transição com a nova secretária até o dia 30 de junho de 2018. 

“É muito difícil assumir uma função a qual o Bispo Stanley, que tem todo o conhecimento da vida da Igreja, desenvolveu de forma muito eficaz, mas eu estou disposta a isso. É uma honra ocupar esse espaço na vida da Igreja. É um sentimento de responsabilidade de fazer o melhor possível”, disse a Pastora Giselma.

A nova secretária episcopal atua no ministério pastoral desde 1985. Já ocupou vários cargos de liderança local, distrital, regional e nacional. Um dos últimos cargos ocupados na área nacional foi de ser membro eleita para a Coordenação Geral de Ação Missionária (Cogeam), o que ela considera ser um privilégio.

“Na Cogeam a gente consegue ver a Igreja em âmbito nacional. Os/as que passam por esse colegiado tem um olhar diferente da Igreja. São pessoas que têm uma história viva na vida da Igreja, e isso tem uma contribuição muito grande em nossa vida”, disse.

De acordo ainda com a pastora, quase 40 anos de trabalho na Igreja local e a mudança geram muita expectativa. “Minha expectativa é que seja um momento promissor de integração, comunhão e respeito. Lógico que temos uma expectativa de mudança de trabalho porque estou há 37 anos na Igreja local e agora vou exercer meu ministério em outro momento. Estarei disponível para executar aquilo que me couber”, finalizou.

Dedicação

O 43º Concílio Regional da 2ª Região Eclesiástica foi testemunha da vida de piedade e dedicação do Bispo Honorário Stanley da Silva Moraes, quando, emocionado, declarou sobre o momento de sua aposentadoria. Desde o final de 1970 que o Bispo Stanley tem se dedicado ao ministério que Deus lhe deu. Casado com D. Rute Moraes há 47 anos, o casal tem duas filhas, duas netas e um neto. Ele foi consagrado como diácono no final de 1970; em 1971, recebeu a primeira nomeação pastoral para Porto Alegre/RS. Somente em Cruz Alta/RS chegou a pastorear 16 Congregações. 

Para ele, o maior legado da Igreja é pastorear ao lado de pessoas não clérigas. O maior desejo está em viver numa Igreja serva. Stanley foi eleito Bispo da Igreja Metodista em 1991; posteriormente ocupou o cargo de secretário executivo do Colégio Episcopal, aliás, função que exerceu por 20 anos, mas o que nunca deixou de ser mesmo foi pastor. 
 

Redação EC
Publicado originalmente no Jornal EC de fevereiro de 2018. Acesse aqui.


Posts relacionados

Notícias, Nacional, Capacitação, Internacional, Vídeo, por José Geraldo Magalhães Jr.

Inicia o Seminário de Capacitação da CMMALC

Iniciou na tarde dessa sexta-feira, dia 12 de abril, o Seminário de Capacitação da Confederação Metodista de Mulheres da América Latina e Caribe ou a CMMALC. Cerca de 70 mulheres estã presentes no Edifício Ômega, da Faculdade de Teologia, aqui em São Bernardo do Campo.