Publicado em Notícias, Igreja e Sociedade | 08/10/2018 às 09:14:42


Igreja Metodista em São Paulo celebra o Dia do Soldado

2018-10-pms-406-800x568.jpg

Foto: Coro masculino do Coral da PM de SP ministra louveres na IM da Penha. | Sara de Paula

O Coral da Polícia Militar ministrou hinos e louvores no evento organizado em parceria com a Primeira Igreja Batista da Penha e a organização PMs de Cristo.

A Igreja Metodista da Penha de Franca, em São Paulo/SP, recebeu no dia 25 de agosto a celebração do Dia do Soldado brasileiro. O culto foi promovido em parceria com a organização PMs de Cristo e Primeira Igreja Batista da Penha e teve como destaque a presença do Coral da Polícia Militar do Estado de São Paulo.
Quem conduziu o evento foi a pastora Dirce Shirota, coordenadora do PMs de Cristo no estado de São Paulo. “Para nós é um momento muito especial, porque nós sempre sonhamos em trabalhar na unidade das igrejas”, contou a pastora. 

O Pastor Hermógenes Luiz do Nascimento, da Primeira Igreja Batista da Penha, é um dos mencionados pela coordenadora. Ele contou como o culto foi pensado. “Esse evento hoje é uma data histórica, o dia do soldado brasileiro. Então nós resolvemos, em parceria com a Igreja Metodista, articular um culto de ação de graças para homenagear essa corporação paulista tão batalhadora, que às vezes é discriminada”, afirmou. 

O pastor metodista Alcides Alexandre de Lima Barros falou sobre como essa ação fortaleceu o trabalho que desenvolvem junto aos/às policiais da cidade. “A capelania é um canal que nós temos para poder anunciar o evangelho. É o nosso propósito, nossa obrigação, acho que é o nosso maior compromisso”, defendeu. 

Quem marcou presença durante toda a liturgia foi o quarteto masculino Ressureição, da Primeira Igreja Batista da Penha. O conjunto compartilhou os momentos de louvor com a dupla de Policiais Militares responsáveis pelos duetos da noite, Eliane Porto e Tiago A. da Silva, e com o Coral da PM. O maestro do coro masculino, Subtenente Eder João Gonçalves Ribeiro, contou que a presença do grupo foi positiva para todos/as. “Para nós é uma honra. Hoje, que é dia do soldado, recebemos essa palavra de fé, de incentivo, de força para nós, policiais militares”, agradeceu. 

A liderança do PMs de Cristo lembrou da importante participação do militar Paulo de Tarso, metodista pioneiro no trabalho voltado aos/às policiais em São Paulo. O Bispo Honorário, Stanley da Silva Moraes, confirmou que a ação da igreja foi essencial na construção da capelania militar que conhecemos hoje. “O Paulo de Tarso começou muitas coisas, e uma delas foi exatamente esse trabalho de capelania com os/as policias. Nós tínhamos fortemente no passado trabalhos com os/as presidiários/as. Muita gente se converteu aí, mas trabalho com o/a policial é coisa muito moderna”, concluiu o Bispo.

Sara de Paula
Publicada originalmente no Jornal Expositor Cristão de outubro


Tags: sem tags no momento!