Publicado em Igreja e Sociedade, Nacional, Notícia | 01/02/2019 às 11:07:55


Conselho Latino Americano de Igrejas se reúne em São Paulo

O Conselho Latino Americano de Igrejas (CLAI) - organização de Igrejas e entidades ecumênicas da América Latina e do Caribe, estão reunidos na Sede Nacional da Igreja Metodista nessa sexta-feira, 1º. A Igreja Metodista está representada pelo Bispo Honorário Stanley da Silva Moraes, presidente do CLAI Brasil, pelo Bispo Emérito Paulo Ayres Mattos, além da Pastora Giselma Matos que também participa da reunião. Ainda não tivemos acesso à pauta da reunião, mas geralmente a organização se reúne para discutir assuntos relacionados à unidade entre o povo cristão do continente, preservando as identidades de cada Tradição. O término da reunião está previsto para às 12h de hoje.

Você confere mais detalhes da reunião na edição impressa do jornal Expositor Cristão de março.

 

Onde e quando foi fundado o CLAI?

Em setembro de 1978, na cidade mexicana de Oaxtepec, reuniram-se quase uma centena de Igrejas Evangélicas latino-americanas em assembleia convocatória que lançou os princípios básicos para a criação do Conselho. O CLAI foi formalmente constituído pela Assembleia Geral de Igrejas realizada em Huampani (Peru) em novembro de 1982.

 

Qual o Objetivo do CLAI?

Aprofundar a unidade da Igreja de Jesus Cristo, reconhecendo a riqueza que representa a diversidade de tradições, confissões e expressões da fé cristã; promover nesse sentido a reflexão, o ensino, a proclamação e o serviço cristão. O CLAI fortalece a ação das Igrejas Evangélicas e as ajuda a compreender melhor suas identidades e compromissos na realidade continental.

 

Objetivos Gerais na Região Brasil

  • Promover a Unidade da Igreja no Brasil através dos Programas e Iniciativas, fortalecendo a cooperação entre as Igrejas e as organizações ecumênicas;
  • Colaborar na construção de uma Igreja inclusiva, em que a reflexão teológica, a ação missionária e a prática pastoral seja de comunhão, acompanhamento, consoladora, sensível ao sofrimento humano e aos gemidos da criação, a partir da perspectiva dos excluídos. Ajudar a reconhecer o pluralismo e a diversidade de todos/as as/os participantes na criação de Deus;
  • Apoiar as Igrejas Evangélicas brasileiras na compreensão e construção de sua identidade e testemunho no contexto em que estão inseridas;
  • Fortalecer a imagem do CLAI no contexto eclesial e eclesiástico brasileiro, como uma organização a serviço da unidade e da identidade evangélica, comprometida com a missão da Igreja em seus aspectos de anúncio do Evangelho, denúncia do Mal e testemunho profético.Como o CLAI atua na promoção da Unidade?

 

O CLAI não tem autoridade sobre suas Igrejas e Organismos membros para determinar questões de governo, doutrina, prática ou culto. Entretanto, o CLAI é o foro para que essas Igrejas e Organismos falem e se interpelem mutuamente no desejo de serem mais fiéis ao mandato evangélico.


Tags: clai,