2016_10_aleppo_tregua

Homem caminha na cidade de Aleppo | Foto: Observatório Sírio de Direitos Humanos

(ANSA) – Rebeldes e milícias sírias atacaram nesta quinta-feira (20) um dos corredores humanitários criados em Aleppo para a fuga de civis. Há relato de vários feridos. Os tiros e bombas foram lançados no dia em que vigora uma trégua unilateral das forças sírias e russas para permitir a evacuação da cidade.

De acordo com a agência russa de notícias Ria Novosti, o corredor humanitário atacado é o do bairro de Bustan al Qasr. Além disso, jihadistas do grupo abhat Fateh al-Sham, que antes era chamado de Frente Al-Nusra, ameaçaram matar os civis que tentarem sair de Aleppo.

A trégua humanitária entrou em vigor às 8h locais e durará até às 19h para evacuação de civis, doentes e feridos. Foram abertos seis corredores e, há dois dias, a Rússia interrompeu os ataques aéreos como prévia da trégua humanitária. Aleppo é uma cidade dominada por grupos rebeldes e terroristas opositores ao regime do ditador Bashar al-Assad. Desde setembro, a Rússia ajuda as forças sírias a atacar os opositores para retomar o controle do município.

Escrito pela Agência ANSA Brasil