2016_08_1re_rio2016

Igrejas, unidas a organizações e agências missionárias, se mobilizam para o Ide de Jesus durante as competições

Animadas com as olimpíadas 2016, diversas denominações uniram forças com outros movimentos e Ongs para levar as Boas-Novas a atletas e ao público em geral. Ao passar nos arredores do Parque Olímpico e dos estádios onde acontecem as competições é notória a concentração de cristãos cumprindo o Ide de Jesus. Muitas denominações distribuem panfletos e publicações que falam do amor de Deus. As igrejas metodistas, espalhadas pela cidade do Rio de Janeiro, também se mobilizaram para ações evangelísticas nesse período.

Mais de 60 igrejas evangélicas brasileiras abriram suas portas para receber missionários da Jocum, Jovens com uma Missão. Entre as metodistas, destacam-se a Igreja de Vila Isabel, sob a liderança do pastor Edson Sardinha, e a Igreja Barra Olímpica Rio 2, pastoreada por Paulo Welte. A Federação Metodista de Jovens também tem se engajado, apoiando as duas iniciativas.

2016_08_1re_rio2016_brasilEm Vila Isabel, foram acolhidos 20 cristãos do Brasil e de outros países, entre eles Holanda, Estados Unidos, Alemanha, Argentina, Turquia e Barbados. Além de hospedar, oferecer café da manhã e lanche, a igreja em Vila Isabel, por meio do Ministério de Evangelização e acompanhada pelo pastor titular, está ao lado dos missionários nas programações evangelísticas. E aos domingos, eles participam da rotina e liturgia da igreja. “Tem sido um trabalho muito rico, de capacitação e evangelização. Foram dois treinamentos oferecidos pela Jocum para voluntários brasileiros e estrangeiros. É um investimento na salvação de almas”, afirmou pastor Edson Sardinha.

Já a Igreja Metodista Barra Olímpica Rio 2, pastoreada por Paulo Welte, além de servir em alguns dias de base para missionários da Jocum, se envolveu com as atividades do Movimento Braços Abertos, um esforço evangelístico que une diversas denominações e agências missionárias.

Confira também no site de notícias da 1ª Região Eclesiástica informações sobre o evento Maratona da Fé, um circuito que só deve terminar com o encerramento das Olimpíadas em 21 de agosto. A matéria também traz detalhes da Caminhada da paz, que distribui materiais bilíngues durante os jogos. Acesse aqui.

Escrito por Sede Regional da 1ªRE